fbpx

Leitura Ativa: O que é e como funciona?

E aí, meus futuros calourinhos!!! Tudo certo? Eu sou a Renata, estudo medicina na UnB, e neste post eu quero apresentar a vocês o que tem sido a técnica de estudos que eu mais uso na faculdade e, com certeza, também pode ajudar vocês no estudo pro vestibular. Vamos lá?

Sabe quando você lê um texto gigante e, ao final da página, não lembra mais do que dizia o primeiro parágrafo? Isso acontece porque costumamos ler de uma forma totalmente passiva, esperando que, de alguma forma, a informação entre na nossa cabeça. Mas sabemos que as chances de você parar de prestar atenção no que lê, logo nas primeiras linhas é quase certa, quando percebe já se passaram vários parágrafos (sabe-se Deus como), mas estava pensando em algo totalmente aleatório. O resultado disso é desperdício de tempo. 

A leitura ativa é um método que te ajuda a absorver o máximo das ideias do texto, sem necessidade de reler o mesmo fragmento incontáveis vezes. Você vai estabelecer uma CONVERSA com texto, vai interagir, de fato, com tudo o que está sendo explicado, como se alguém estivesse te explicando algo e gostaria de saber mais. 

Para começar a usar a técnica, comece se perguntando, a cada parágrafo, o que está entendendo e qual seria o objetivo daquela parte do texto. O que, como, por que, e se… Depois de identificar estes aspectos principais, faça novos questionamentos: como isso se relaciona com o tema? Com o meu dia a dia? Quais são as consequências? Geralmente, os próximos parágrafos vão responder essas perguntas.

Uma vez que você entende o que está sendo dito, faça anotações breves e objetivas sobre aquilo, de forma que depois você consiga retomar a ideia principal sem precisar reler o texto, apenas consultando as suas anotações. 

O ideal é que, ao final da leitura, você consiga explicar plenamente todos os tópicos abordados. Então, certifique-se que cada subtítulo, partes em negrito e as imagens de referência estão claras para você e, literalmente tente explicar aquele texto em voz alta, como se fosse para alguém que nunca o leu e precisa absorver todas as ideias discutidas.

Isso vai melhorar muito a sua interpretação de texto. Sabe aquelas questões que você erra por desatenção e que o Cebraspe desconta uns pontinhos valiosos? Pois é, esses erros serão menos frequentes. 

Pra finalizar, este método é sistematizado no termo SQ3R: Survey, Question e os 3 Rs:

  • Survey: consiste em PESQUISAR os termos do texto para ter uma melhor compreensão. 
  • Question: “Pergunte”: o que você sabe daquele assunto? Tem mais ou menos ideia do que o texto quer dizer? 
  • Read: Essa é a parte que você literalmente LÊ, interage com o texto e faz as suas anotações.
  • Recite: tente RECITAR o texto com as suas palavras, mas sempre abordando os termos principais. 
  • Recall: sempre REVISE os conceitos iniciais linkando-os com os novos. 

Como já citado, ao final, faça um resumo de tudo que entendeu (pode ser oral ou escrito), assegurando-se que todas, se não a maior parte das informações, estão bem claras na sua cabeça.

Agora aqui vai duas dicas bônus que eu utilizo quando estou com dificuldade de entender o texto ou estou vendo um assunto completamente novo:

  1. Dê uma olhadinha na conclusão do texto. Geralmente ela resume o principal que o texto está querendo passar. Então ao ler o texto você estará mais direcionado. 
  2. Observe as imagens antes e depois da leitura. As ilustrações, gráficos e tabelas estão lá justamente para que você tenha clareza sobre o assunto. Então vale a pena se perguntar antes o que elas significam, instigando seu cérebro a prestar atenção em detalhes importantes no texto. Muitas vezes eu só entendo o que foi dito no texto depois de analisar a imagem e ler a legenda. 

Bom, meus calourinhos, espero que tenham compreendido e que tirem o melhor proveito possível da suas leituras, a partir daqui!

Dúvidas? Deixe aqui nos comentários ou no nosso instagram! Estaremos prontos para te responder! 

Um abraço e bons estudos!!!

Renata Gabriella.

 

Related Articles

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *